O Tempo Inscrito - Memória, Hiato e Projeção

Com curadoria de Sergio Fazenda Rodrigues, a exposição "O Tempo Inscrito - Memória e Projecção"" apresenta um conjunto de obras de artistas portugueses e centra-se sobre a ideia de tempo, e sobre a forma que este adquire.

Presente na ideia e na expressão de cada trabalho, a noção de tempo liga-se aqui a uma lógica processual, de uso, de vida e de morte, funcionando para além de uma leitura cronológica. Assim, procura-se o entendimento de conceitos como instante, sequência e hiato, assentes numa lógica cultural que estrutura uma percepção alargada de como concebemos, medimos e projectamos aquilo em que nos enquadramos.

Público em geral / Entrada livre

Datas
2017-07-15 00:00 - 2017-10-28 00:00
Local
quARTel da Arte Contemporânea de Abrantes – Coleção Figueiredo Ribeiro - R. de Santa Ana 10
Abrantes, Portugal
 

Todas as datas

  • De 2017-07-15 00:00 a 2017-10-28 00:00
 

Powered by iCagenda

Neste sítio são utilizados cookies de forma a melhorar o desenpenho e a experiência do utilizador. Ao navegar no nosso sítio estará a concordar com a sua utilização. Para saber mais sobre cookies, consulte a nossa politica de privacidade.